Almanaque do Jeremias

"PATRÕES DIFICULTAM VACINAÇÃO NO COMÉRCIO", AFIRMA PRESIDENTE DO SECM DE ILHÉUS

A vacinação ocorre no Teatro Municipal de Ilhéus  e na zona Sul, no Colégio Horizontina

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Mesmo com o fim da prioridade por categorias e o  estabelecimento do critério etário para a vacinação contra a Covid-19 atendendo ao Plano Nacional de Vacinação, a presidente do Sindicato dos Comerciários de ilhéus, Crismélia Moreira da Silva, em conjunto com o Secretário de Saúde do município, Geraldo Magela, definiram que os trabalhadores e trabalhadoras do comércio e que se enquadrem no fator etário do Município, sejam  vacinados. 

Foram colocados  à disposição dos comerciários dois locais para imunização. No centro, a vacinação ocorre no Teatro Municipal de Ilhéus  e na zona Sul, no Colégio Horizontina próximo ao Posto de saúde do Hernani Sá das 16h às 19h. 

Como tudo não são flores, segundo a Presidente do sindicato, desde que a vacinação foi liberada para esta parcela da população, várias denúncias tem chegado ao sindicato, dando conta de que alguns patrões tem dificultado o acesso de seus empregados a se imunizarem. 

O site Almanaque do Jeremias repudia veementente esta prática. 

Fonte

Redação Almanaque
  • COMPARTILHE

"PATRÕES DIFICULTAM VACINAÇÃO NO COMÉRCIO", AFIRMA PRESIDENTE DO SECM DE ILHÉUS

08/07/2021 11:22


Mesmo com o fim da prioridade por categorias e o  estabelecimento do critério etário para a vacinação contra a Covid-19 atendendo ao Plano Nacional de Vacinação, a presidente do Sindicato dos Comerciários de ilhéus, Crismélia Moreira da Silva, em conjunto com o Secretário de Saúde do município, Geraldo Magela, definiram que os trabalhadores e trabalhadoras do comércio e que se enquadrem no fator etário do Município, sejam  vacinados. 

Foram colocados  à disposição dos comerciários dois locais para imunização. No centro, a vacinação ocorre no Teatro Municipal de Ilhéus  e na zona Sul, no Colégio Horizontina próximo ao Posto de saúde do Hernani Sá das 16h às 19h. 

Como tudo não são flores, segundo a Presidente do sindicato, desde que a vacinação foi liberada para esta parcela da população, várias denúncias tem chegado ao sindicato, dando conta de que alguns patrões tem dificultado o acesso de seus empregados a se imunizarem. 

O site Almanaque do Jeremias repudia veementente esta prática. 

Fonte: Redação Almanaque

Publicidade

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )