Almanaque do Jeremias

OPOSIÇÃO DIZ QUE CPI DA COELBA "É FAZ DE CONTA" E RETIRA ASSINATURAS DE APOIO

Segundo Correia, a oposição deseja uma apuração séria dos fatos apontados

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) decidiu retirar as assinaturas de apoio à abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a Coelba, justificando que o bloco governista queria atropelar os trabalhos de investigação.

 

De acordo com os oposicionistas, a decisão foi tomada após tentativas do governo do estado de emplacar presidência e relatoria do colegiado, inclusive já anunciando como presidente o deputado Vitor Bonfim (PL).

 

“O que querem nessa CPI é uma investigação ‘chapa branca’, um ‘faz de contas’. Isso nós não podemos aceitar. A forma que a bancada do governo está conduzindo mostra que querem simplesmente atropelar os trabalhos, o que vai de encontro à relação harmônica e respeitosa que temos na Casa. Inclusive, já esperamos alguma manobra para atropelar o bloco da minoria. Se é para ser assim, retiramos nossas assinaturas”, afirmou o deputado Tiago Correia (PSDB), vice-líder da oposição.

 

Segundo Correia, a oposição deseja uma apuração séria dos fatos apontados, uma vez que há queixas em praticamente todo o estado em relação aos serviços da Coelba.

 

“Nós apoiamos uma apuração séria e responsável, e desejamos participar de forma ativa, e não como coadjuvantes, sem relevância, da forma que estão nos impondo”,

ponderou Tiago Correia.

 

“Nós não queremos fazer nada escondido, queremos transparência. Da forma que estão conduzindo, parece que existem outros interesses na instalação dessa CPI. Desta forma, não teremos transparência e não haverá um resultado efetivo, que é o que a sociedade espera de nós, parlamentares”, criticou.

Fonte

Redação Almanaque
  • COMPARTILHE

OPOSIÇÃO DIZ QUE CPI DA COELBA "É FAZ DE CONTA" E RETIRA ASSINATURAS DE APOIO

20/12/2021 22:03


A bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) decidiu retirar as assinaturas de apoio à abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a Coelba, justificando que o bloco governista queria atropelar os trabalhos de investigação.

 

De acordo com os oposicionistas, a decisão foi tomada após tentativas do governo do estado de emplacar presidência e relatoria do colegiado, inclusive já anunciando como presidente o deputado Vitor Bonfim (PL).

 

“O que querem nessa CPI é uma investigação ‘chapa branca’, um ‘faz de contas’. Isso nós não podemos aceitar. A forma que a bancada do governo está conduzindo mostra que querem simplesmente atropelar os trabalhos, o que vai de encontro à relação harmônica e respeitosa que temos na Casa. Inclusive, já esperamos alguma manobra para atropelar o bloco da minoria. Se é para ser assim, retiramos nossas assinaturas”, afirmou o deputado Tiago Correia (PSDB), vice-líder da oposição.

 

Segundo Correia, a oposição deseja uma apuração séria dos fatos apontados, uma vez que há queixas em praticamente todo o estado em relação aos serviços da Coelba.

 

“Nós apoiamos uma apuração séria e responsável, e desejamos participar de forma ativa, e não como coadjuvantes, sem relevância, da forma que estão nos impondo”,

ponderou Tiago Correia.

 

“Nós não queremos fazer nada escondido, queremos transparência. Da forma que estão conduzindo, parece que existem outros interesses na instalação dessa CPI. Desta forma, não teremos transparência e não haverá um resultado efetivo, que é o que a sociedade espera de nós, parlamentares”, criticou.

Fonte: Redação Almanaque

Inscreva-se Newsletter

Inscreva-se em nossa newsletter e receba em primeira mão nossas novidades!
[CARREGANDO...]

Parceiros

Publicidade

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )