Almanaque do Jeremias

MEDIDAS RESTRITIVAS DA COVID EM ILHÉUS PASSAM A SER POR TEMPO INDETERMINADO

Do Jornal Bahia Online.

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Agora as medidas restritivas em Ilhéus por conta da Covid-19 são por tempo indeterminado. A decisao foi tomada no Diário Oficial de hoje pelo prefeito Mário Alexandre, atendendo a determinação do Comitê de Crise. Estão suspensas as realizações de shows, festas, públicas ou privadas, e afins, independentemente do número de participantes.

Também estão proibidos os eventos e atividades com a presença de público superior a 200 (duzentas) pessoas, ainda que previamente autorizados, que envolvem aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos, religiosos, cerimônias de casamento, feiras, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas em academias de dança e ginástica

Segundo o decreto, as instituições e estabelecimentos que descumpram quaisquer das medidas estabelecidas ficam sujeitas à aplicação de multa, suspensão ou cancelamento do alvará ou licença de funcionamento, sem prejuízo de eventual auxílio de força policial para fechamento, além da adoção de medidas de responsabilização civil e criminal.

Fonte

RedaçãoAlmanaque
  • COMPARTILHE

MEDIDAS RESTRITIVAS DA COVID EM ILHÉUS PASSAM A SER POR TEMPO INDETERMINADO

07/01/2021 10:31


Agora as medidas restritivas em Ilhéus por conta da Covid-19 são por tempo indeterminado. A decisao foi tomada no Diário Oficial de hoje pelo prefeito Mário Alexandre, atendendo a determinação do Comitê de Crise. Estão suspensas as realizações de shows, festas, públicas ou privadas, e afins, independentemente do número de participantes.

Também estão proibidos os eventos e atividades com a presença de público superior a 200 (duzentas) pessoas, ainda que previamente autorizados, que envolvem aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos, religiosos, cerimônias de casamento, feiras, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas em academias de dança e ginástica

Segundo o decreto, as instituições e estabelecimentos que descumpram quaisquer das medidas estabelecidas ficam sujeitas à aplicação de multa, suspensão ou cancelamento do alvará ou licença de funcionamento, sem prejuízo de eventual auxílio de força policial para fechamento, além da adoção de medidas de responsabilização civil e criminal.

Fonte: RedaçãoAlmanaque

Publicidade

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )